Ben Affleck fala mais sobre a Liga e o filme solo do Batman

Nesta terça-feira (21), saíram muitas confirmações e novas informações sobre o filme Liga da Justiça, que dá sequência ao DC Extended Universe após Homem de Aço (2013) e Batman v Superman: A Origem da Justiça (2016). A Warner Bros. recebeu uma equipe de jornalistas de diversos veículos nos sets de filmagem da produção, em Londres, que começou em abril. Além de conversas com o diretor, Zack Snyder, e da apresentação de imagens e de uma cena não finalizada (e ainda não divulgada), o Birth.Movies.Death entrevistou Ben Affleck, que, além de ser o Batman da Liga, é produtor executivo do filme e está escrevendo e dirigirá o filme solo do Homem-Morcego.

O novo Batman do filme da Liga da Justiça.
O novo Batman do filme da Liga da Justiça terá inspiração na série de jogos Arkham, do estúdio Rocksteady.

Esse papel ficou mais claro na conversa com os jornalistas. Segundo Affleck, que estava de uniforme durante a entrevista, seu papel enquanto produtor executivo da Liga é o de garantir que o Batman se dirigirá para um posicionamento que serve ao filme solo que ele está preparando:

Então há essa polinização cruzada da história e dos personagens e eu não quero entregar nada dessas coisas, mas isso basicamente significa que existem algumas coisas que podem acontecer no meu Batman que são afetadas por… Quero dizer, estamos aqui na delegacia de polícia de Gotham City. Há potencial para que algo como isso exista naquela história. Então é uma forma criativa com a qual a DC veio de ser uma companhia movida por realizadores e entidades e também ter certeza de que a mão direita saiba o que a mão esquerda está fazendo, para que então haja colaboração e supervisão.

Affleck também falou que, neste intrincado plano da DC Films, os papeis de Geoff Johns e Jon Berg são grandes, apesar de ele não ter falado especificamente do que cada um deles está fazendo no filme da Liga ou nos filmes da DC. Ambos são os novos diretores da divisão que cuida do DC Extended Universe nos cinemas. Johns, que foi responsável pelo DC Universe: Rebirth nos quadrinhos, não esteve presente no set na ocasião devido ao nascimento de seu filho.

Batman v Superman tinha como maior referência O Cavaleiro das Trevas... Isso deve mudar já no filme da Liga.
Batman v Superman tinha como maior referência O Cavaleiro das Trevas… Isso deve mudar já no filme da Liga.

O ator e diretor disse ainda que outras histórias do Batman estão sendo levadas em consideração para a construção do personagem nos cinemas, além da influência que O Cavaleiro das Trevas, de Frank Miller, teve em BvS. Entretanto, ele não quis deixar claro quais eram, já que isso daria muitas pistas do que poderia acontecer a Bruce Wayne em Liga da Justiça e além. Isto deve levar também a uma mudança no tom deste universo, já que, além de um foco maior no aspecto detetivesco do personagem, há mais espaço para humor:

Há definitivamente espaço para mais humor. Não será – filme da DC, penso eu, não em sua natureza mais míticos que alguns filmes de histórias em quadrinhos são. Mas aquele filme [BvS] era muito sombrio e pesado porque originalmente era enraizado em O Cavaleiro das Trevas, que é um livro pesado e sombrio. E isso não é aquilo. Este é um passo na evolução ao trazer juntos todos esses personagens, que tiveram suas próprias origens. É sobre multilateralismo, e é sobre esperança e sobre trabalhar juntos e o tipo de conflitos que há em tentar trabalhar junto com outros. é um mundo no qual super-heróis existem, então necessariamente há comédia nisso, tentando trabalhar com outras pessoas e pessoas tentando atingir objetivos juntas é a raiz de toda grande comédia, a meu ver. Então há definitivamente, e estou esperançoso por algum divertimento nisso. Mas não são irreconhecíveis esses personagens ou essas histórias. Não é algo para virar de cabeça para baixo.

Segundo Ben Affleck, o foco do filme é a missão de Batman para juntar os membros da Liga para enfrentar uma ameaça comum – que já se sabe que é Steppenwolf, o Lobo das Estepes, tio de Darkseid e seu general nas forças de Apokolips. Entretanto, nem todo mundo virá de bom grado:

Sabe, Aquaman é um personagem muito forte, interpretado por um ator muito forte com uma personalidade muito forte, então eu não acho que ele seja o tipo de cara que, a qualquer momento em sua vida, irá obedecer ordens de pessoas. Jason Momoa, ele tem uma energia muito forte, teimosa, independente e poderosa. Então não é como se qualquer desses personagens aparecesse e imediatamente fosse como “sim senhnor, o que eu devo fazer, Sr. Wayne?” É sobre como tentar reunir um bando de pessoas díspares, que estão acostumadas a serem muito poderosas e independentes, e tentar fazê-las trabalharem, juntas. E é sobre o quão difícil é para eles todos se darem bem. E há alguns personagens que realmente vão se entender, alguns que não vão se encaixar, quase cair na porrada, mas é sobre tentar conter isso. Então não é um passeio no parque tentar manter este grupo e trazê-los juntos.

O novo Batmóvel que será usado no filme da Liga da Justiça.
O novo Batmóvel que será usado no filme da Liga da Justiça.

Sobre o seu próprio filme, o ganhador do Oscar de Melhor Filme por Argo (2013), que também escreve a aventura solo do Homem-Morcego, disse que não sabe se irá utilizar a data que a Warner Bros. reservou para ele ainda. Isso porque o roteiro ainda não está pronto. Em declaração publicada no Comic Book Resources, Affleck parece inclusive ter criticado Batman v Superman por isso:

Então meu cronograma é que eu não vou fazer um filme até que haja um roteiro que eu ache que é bom, porque eu já estive à frente de coisas nas quais você faz filmes quando você tem um script que não é bom ainda e acaba não arrasando. [risos] […] Eu não estou feliz o suficiente com ele ainda para ir lá e fazer um filme do Batman, pelo qual eu prezo pelos padrões mais altos. É algo que precisa superar uma barra muito alta para mim. Não é como “Ah, pode ser legal, vamos tentar isto.”

Liga da Justiça, que não é mais a primeira parte e sim um filme independente, chegará aos cinemas em 16 de novembro de 2017. O roteiro é de Chris Terrio (Argo), e além de Affleck, o elenco também conta com Henry Cavill (Clark Kent/Superman), Gal Gadot (Diana/Mulher-Maravilha), Ezra Miller (Barry Allen/Flash), Ray Fisher (Victor Stone/Ciborgue), Willem Dafoe (Vulko), Amy Adams (Lois Lane), Jesse Eisenberg (Lex Luthor), Jeremy Irons (Alfred Pennyworth), Amber Heard (Mera), J. K. Simmons (Comissário James Gordon) entre outros.

2 Comentários

Clique para comentar

4 − um =

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com