Superman e Rocketeer: o encontro que ninguém viu

Este artigo integra o Superespecial Superman 80 Anos, que fará parte do site até dezembro deste ano. Acompanhem todos os artigos deste especial clicando aqui! Ela foi originalmente publicada em 2010 e agora traz novas informações!


Extra! Extra! O caos chegou em Trenton, New Jersey, e hoje é 20 de outubro de 1938! Uma invasão aligenígena de intelecto muito maior que o nosso está aqui para nos destruir. Não temos onde nos esconder. Os cidadãos locais correm procurando por um lugar seguro dos raios mortais do inimigo. A lei marcial prevalece nas regiões de Garden State e da Pennsylvania. Dois valiosos heróis, Superman e Rocketeer, lutam contra estes intrusos e seu robô furioso. Se estes heróis falharem, os marcianos vão pegar todos nós!

Foi assim que Dave Stevens imaginou como sendo o encontro do Superman com seu personagem Rocketeer para uma minissérie de três edições que nunca aconteceu.

Em 1981, ele criou este herói quando já fazia storyboards para Hollywood, com muito sucesso. Com histórias na antologia em duas partes chamada Pacific Presents, ele criou um marco para o público sedento por material inovador, o que acabou gerando uma série de quadrinhos e culminou numa animação da Disney em 1991. Anos foram se passando e ele foi imaginando como seria um encontro de seu herói com um certo Homem de Aço. Foi então que ele fez duas das três partes que a minissérie teria, desenhando ainda um rascunho do Superman à la Joe Shuster, que era como ele sempre guardou a imagem do herói kryptoniano.

Em uma entrevista para a Comic Book Artist, de 2001, ele comenta mais sobre o projeto que nunca decolou como seus dois heróis: “Bem, eu cheguei a conversar com a DC há três anos e mostrei pro pessoal da DC, mas eles não gostaram muito porque envolvia o Superman de 1938 e queriam fazer revisões demais na história que mudaria tudo. Infelizmente, a coisa toda afundou. Uma pena para os leitores, teria ficado muito legal.”

A história tem muita base no caso clássico da narração de Guerra dos Mundos por Orson Welles. Na verdade, o drama científico seria a grande fonte da história – a invasão atrairia a atenção de ambos os heróis que iriam investigar a paranoia toda. O pobre Rocketeer acaba sendo confundido com um marciano e perto de morrer é salvo por um certo homem com “S” no peito. O script tem muito humor e leveza, além da diversão, garantindo algo para vários tipos de público. Outra coisa muito legal é que os dois ainda estão aprendendo a usar seus poderes e acabam se ajudando de muitas formas.

Curiosamente, ano passado a IDW reimprimiu as histórias do Rocketeer e gerou interesse pelo personagem mais uma vez. Com todas as mudanças na DC Comics a possibilidade volta a brilhar para Stevens. Até porque toda a história está pronta e este último trabalho dele – de muitas formas – pode alegrar muitos fãs por aí.

De qualquer forma, Stevens produziu uma história para fãs, não lucrativa, unindo os dois heróis.

Matéria originalmente publicada no CBR.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com