[#TerraZero10Anos] Gavião Negro em Perspectiva – Parte 1: Antiguidade

Gavião Negro é um dos personagens mais amados da DC, mesmo que seu espaço na editora nem sempre tenha sido tão grande quanto o amor dos fãs por ele. Em 2009, quando o Terra Zero estava completando seu primeiro ano de vida, o leitor, colaborador e decenauta de primeira, Enrico, nos enviou um especial em dez partes explicando a bagunça cronológica que é a vida do personagem. A fim de continuar a celebração de 10 anos de vida do site, estamos republicando a primeira parte deste especial de forma reeditada e corrigida, com links para todos os outros capítulos.

Gavião Negro em Perspectiva cobre toda a vida do herói e de sua amada até a chegada da Noite Mais Densa. Mesmo que muito tempo tenha se passado desde que ela saiu lá fora, esse apanhado de artigos superespeciais é fundamental para entender quem o Gavião Negro é (e sempre será). Com a saga Noite de Trevas – Metal saindo no Brasil, e dada a importância do herói nela, esses artigos são obrigatórios para qualquer fã da DC!

A Morte do Gavião Negro é o prelúdio para Noite de Trevas - Metal.
A Morte do Gavião Negro é o prelúdio para Noite de Trevas – Metal.

O Especial de 10 Anos do Terra Zero republicará alguns dos maiores textos já lançados aqui. Semanalmente, com a hashtag #TerraZero10Anos. Além disso, teremos um item no menu que redireciona para uma página com todas essas republicações. Não percam – e aproveitem para conhecer nossa história!


Por Enrico

Gavião Negro em Perspectiva.
Gavião Negro em Perspectiva.

Entre 1985 e 1986 o evento conhecido como Crise nas Infinitas Terras redefiniu o Universo DC, o que antes era uma realidade formada por vários universos paralelos passou a ser uma realidade unificada formada por um universo coeso que partilhava um único passado, pelo menos isso é o que deveria ter acontecido.

Grupos como a Liga da Justiça e a Sociedade da Justiça que antes eram oriundas de universos diferentes agora co-existiam no mesmo universo, e representavam duas gerações distintas de heróis.

Em função dessa redefinição do status do Universo DC, as origens dos principais personagens foram recontadas e modernizadas, o problema é que um universo de super-heróis é uma obra de ficção de criação coletiva, erros são inevitáveis e personagens como Hawkman, Donna Troy e Power Girl acabaram sendo vitimas desses erros.

De todos os personagens citados, Hawman talvez seja o mais prejudicado, a cada tentativa de se consertar os erros, novos erros eram cometidos, um universo que antes deveria ter dois Hawkmen passou a ter três e as explicações pareciam não fazer sentido, deixando o leitor confuso na hora de saber qual dos Hawkmen era o personagem da história que ele estava lendo.

Em 2001 na série JSA, os autores David Goyer e Geoff Johns conseguiram de forma simples e eficaz trazer o Hawkman original de volta a vida, sem com isso comprometer o histórico recente do personagem e de seus sucessores, fazendo com que a tradição heróica do Hawkman, que antes parecia uma colcha de retalhos, tomasse proporções épicas, e que se for observada em ordem cronológica acaba se tornando uma história um tanto interessante, quase uma tragédia grega… Ou egípcia!

Prepare-se pra testemunhar a saga de Hawkman desde o início e finalmente compreender todos os detalhes dessa história.

Parte 1: Antiguidade

– Durante a 19ª Dinastia do Reinado de Ramsés II uma nave vinda do Planeta Thanagar cai na Terra, num deserto do Egito, a nave é encontrada pelo Príncipe Khufu, pelo mago Nabu e pelo campeão de Khandak Teth-Adam.

002

– Os três tomam conhecimento da existência do Metal Enésimo, que serve de combustível para a nave, Nabu começa a realizar estudos sobre o metal e acaba descobrindo suas propriedades antigravitacionais.

003

– Nabu cria vários artefatos com o Metal Enésimo, entre eles o Amuleto de Anúbis, a Garra de Horus, um escaravelho e um punhal.

004

– Khufu por sua vez, usa o Metal Enésimo para criar para si e para sua amada Chay-Ara duas armaduras que lhes permitem voar.

005

– Com o uso constante de suas armaduras Khufu e Chay-Ara acabam assimilando conhecimentos sobre Thanagar, além de fortalecerem suas almas.

006

– Motivado pela paixão doentia que sentia por Chay-Ara, o sacerdote Rath-Seth acaba assassinando o casal e jura perseguir os dois por toda a eternidade, sempre que eles reencarnarem e se apaixonarem Rath-Seth estará lá para matá-los.

007

– Não satisfeito com isso, Rath Seth ainda lança sobre o casal a Maldição de Seketh, que diz que se em uma de suas encarnações futuras Khufu e Chay-Ara tiverem um filho, este filho será o hospedeiro do Escaravelho de Prata e que fazendo uso da arma conhecida como Olho de Rá ele destruirá o universo.

– Tem inicio um ciclo de reencarnações, amor e morte sempre envolvendo as almas de Khufu, Chay-Ara e Rath-Seth.

008

– Não se podem precisar ao certo quantas e quais foram essas reencarnações, mas as mais notáveis ocorreram na Bretanha do século V, na Alemanha do século XIV e nos EUA nos séculos XVI, XVIII e XIX.

– Finalmente no inicio do século XX nascem nos EUA Carter Hall e Shiera Saunders, protagonistas da história que se inicia a seguir…


Confiram aqui os outros capítulos deste especial:

4 Comentários

Clique para comentar

nove − 2 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com