[#NYCC Dia 1] HQs: Renascimento! Kirkman! Berger! Aquaman! Vertigo!

Diariamente, o Terra Zero fará resumos e matérias do que está acontecendo de mais importante na NYCC deste ano, Zeronauta. Portanto, caro leitor, fique ligado no site!


DC encerra Renascimento em dezembro

Após mais de um ano publicando todas as suas revistas com o selo Renascimento no topo de cada capa, a DC finalmente voltará ao estilo tradicional de publicações, deixando de lado o que fora estabelecido em 2016. A esta altura do campeonato é justo dizer que todos estão habituados com o novo Universo DC, sendo desnecessária a utilização contínua do selo. (Imagens pertencentes ao Bleeding Cool)

Aquaman

Francis Manapul voltou a trabalhar na graphic novel Terra Um do personagem. Isso foi revelado por Dan DiDio no primeiro painel da DC durante a NYCC. Contudo, nenhum outro detalhe sobre a HQ foi revelado, tampouco sua data de lançamento. Ela tinha passado por problemas anteriormente, como dissemos aqui.

Robert Kirkman lança Oblivion Song, sua nova HQ

Robert Kirkman está investindo mais uma vez nos quadrinhos. Em 2018 ele começará a trabalhar em uma publicação mensal através de sua empresa, a Skybound Entertainment (com distribuição da Image) ao lado do desenhista Lorenzo De Felici. A HQ é uma ficção científica que tem um pouco da tragédia de The Walking Dead e um pouco do humor de Invencível, as duas obras mais famosas do autor.

Capa de Oblivion Song revelada ontem na NYCC.
Capa de Oblivion Song revelada ontem na NYCC.

Na sinopse é dito que: “Uma década atrás, 300 mil cidadãos da Filadélfia se perderam no Oblívio. O governo fez de tudo para recuperá-los, mas, depois de muitos anos, desistiram. Nathan Cole, porém, não vai desistir. Ele faz viagens diárias, arriscando sua vida e tentando resgatar os que se perderam, que estão sozinhos e com medo, vivendo no inferno apocalíptico do Oblívio. Mas talvez… Nathan esteja procurando por algo mais? Por que ele não resiste ao ouvir o chamado da Música do Oblívio?”

Seeds, da Berger Books, ganha prévia

Com exclusividade do Bleeding Cool, o mundo teve acesso às primeiras páginas da graphic novel Seeds, um dos primeiros lançamentos do selo Berger Books, comandado pela veterana editora Karen Berger, na Dark Horse. A obra é produzida por Ann Nocenti e David Aja e pretende lidar com os padrões do jornalismo e o poder da natureza, sendo situada “em uma América em que as notícias baseadas em fatos estão dando seu último respiro, a flora e a fauna começaram a sofrer mutações. Neste mundo está uma jornalista que defronta-se com a maior história de sua vida, mas, por razões secretas, ela não pode noticiá-la”.

Rogue & Gambit

Kelly Thompson e Pere Perez foram revelados como a equipe criativa por trás de Rogue & Gambit, a nova minissérie de dois dos mais queridos mutantes da Marvel. Ela começará a ser publicada em janeiro e terá cinco edições, com capas de Kris Anka.

Vertigo, 25 Anos

Em 2018 a Vertigo completará 25 anos de vida a DC pretende fazer algo grandioso para comemorar a data. Contudo, nenhum detalhe foi revelado. O que será que eles vão aprontar, Zeronauta?

  • Alan Leonardo Rodrigues Leo

    Que pena que vão tirar o selo mas vai ter os logotipos dos personagens.

  • Evandro Monteiro

    Machão de internet falando bobagem sobre a notícia: “Ai, que merda, quem é essa tal de Karen Berger para inventar esquerdice de que a imprensa não fala a verdade? O que ela já fez na vida? Ai, e aonde arrumaram essa tal de Ann Nocenti, que nunca ouvi falar? O que essa mulherzinha sabe de quadrinhos? Ai, nunca dever ter escrito nada.”.