[#NYCC Dia 1] Grant Morrison surpreende NYCC com anúncios e novidades

Diariamente, o Terra Zero fará resumos e matérias do que está acontecendo de mais importante na NYCC deste ano, Zeronauta. Portanto, caro leitor, fique ligado no site!


Aos poucos, Grant Morrison tem voltado ao circuito de convenções estadunidenses. Afastado da presença constante neles há alguns anos, fazendo apenas algumas aparições esporádicas por viver mais tempo na Escócia do que em sua residência de Los Angeles, o escritor escocês anunciou um bocado de coisas na San Diego Comic Con, em julho, mas aguardou mais algumas para a NYCC.

A primeira delas foram as revelações das primeiras páginas do segundo volume de Mulher-Maravilha Terra Um. Já era sabido que ele e Yanick Paquette estavam trabalhando na sequência, mas agora os fãs puderam ver de perto o que os dois estão preparando – uma HQ em que a personagem utilizará diversos uniformes diferentes durante a história.

Vejam a galera abaixo.

A verdade é que Morrison apareceu de surpresa no painel da DC durante o primeiro dia da NYCC, que estava sendo apresentado por Dan DiDio e Jim Lee. Após a apresentação da HQ da amazona, um fã perguntou quando diabos o autor iria lançar o terceiro (e último) ato de sua obra autoral, Seaguy. Morrison respondeu: “Nem me fale. Cameron Stewart está com o roteiro da última minissérie já faz uns dois anos!”

[Saiba mais sobre Seaguy e a importância dela para a Vertigo clicando aqui]

Foi anunciado também que o escocês será coautor de algumas edições de Sideways, uma das revistas oriundas do selo Dark Matter, auxiliando DiDio e os artistas Kenneth Rocafort e Justin Jordan no andamento do título. A ideia é utilizar múltiplas Terras nas aventuras da revista, algo que Morrison conhece muito bem.

Happy, a série de TV baseada no quadrinho homônimo de Morrison publicado pela Image anos atrás, estreará no dia 6 de dezembro lá fora. O autor participou do processo criativo da adaptação, mencionando que as diferenças – e mazelas – de se passar meses e meses criando um roteiro para TV enquanto, num quadrinho, pode-se economizar tempo estando sozinho e focado. “Eu amo fazer as coisas na minha casa, na Escócia, porque não tenho internet lá. É ótimo, pois eu odeio a internet!”, disse aos risos.

Um trailer da série pode ser visto logo abaixo:

Por fim, a Batvaca foi mencionada pelos fãs, e Morrison e DiDio revelaram que estão sempre conversando sobre ela. “Nós amamos a Batvaca! Se formos colocá-la numa história, ela meio que se escreve sozinha”, disse DiDio despedindo-se de Morrison, que precisava ir para outro painel da NYCC.