O Multiverso lhe Proverá

Se você soubesse que há uma versão sua através do Multiverso que está num senhor emprego? Sem preocupações com dinheiro, saúde, amigos… Cujo mundo está sendo direcionado para uma era futurista maravilhosa e não para o derretimento das calotas polares. Um mundo justo, com possibilidades para as pessoas, e cujas oportunidades não te dessem medo de você não tê-las. Um lugar onde você pudesse confiar em todo mundo, ninguém precisasse se armar – apenas amar e viver. Como você reagiria?

Mas espere. E se, em outro mundo, as coisas tivessem dado muito mais errado? Você poderia ter matado alguém com suas ações? Precisaria cometer assaltos, tráfico ou qualquer outro ilícito? Ou quem sabe simplesmente estaria vivendo na rua, doente e com fome? Talvez estivesse em coma, ou atrelado a uma cama para sempre. Em último caso, quem sabe tivesse morrido muito antes da idade em que está agora, pela perseguição à sua ideologia, religião, sexualidade ou raça. Ou só por um câncer, mesmo.

Ilustração de Ivan Titor.

A vida é muito doida, e não temos controle sobre todas as variáveis. Os sistemas da sociedade e do mundo nos modelam, não importa o quão diferente seja o seu pensamento. Algumas pessoas escolhem causar sofrimento, e você não pode fazer nada a respeito. Mesmo o fato de você atingir determinado patamar significa que outros tantos, na maioria das vezes, nunca o alcançarão.

Parece que tem algo de errado.

Mas não tem.

Superman, um imigrante com grandes habilidades, coração e uma ética que os complementa como uma força para o bem. Está em uma sociedade que talvez o compreenda, mas não quer segui-lo. Batman, uma pessoa que usa seus traumas como propulsor de uma vida plena. Tem uma caminhada que o satisfaz acumulando conhecimentos e habilidades, não importa o quão questionáveis sejam suas ações, seus conceitos ou seu comportamento. Mulher-Maravilha, uma representante de uma cultura que de pronto discorda dos termos do mundo do patriarcado, mas que procura fazer o seu melhor para reagir não de forma destrutiva mas, sim, crítica a isso, tirando do caminho do perigo primeiro aqueles que são mais prejudicados pelos sistemas da sociedade, apontando para estes e deixando claras as falhas do mundo.

Pensando neles como pessoas, eles provavelmente já se questionaram, não é mesmo? Todo mundo o faz. Uns de forma mais frequente que outros, é verdade, mas a dúvida é parte da condição humana. Mesmo que seja só qual o sabor da pizza que vai comer ou qual a marca de cerveja que irá tomar no final de semana, todos nos perguntamos coisas. Todos temos incertezas sobre se o que queremos para nós mesmos é bom ou não. Então sim, eles se questionaram.

Na atual saga Dark Nights: Metal, os super-heróis da DC presenciam a existência do Dark Multiverse. Neste Multiverso Sombrio, as Terras são efêmeras, por serem lugares onde as coisas dão errado. Ao mesmo tempo, há universos como o de Grandes Astros Superman, nos quais o futuro pode e será brilhante, não importa o que aconteça. Há todos os pontos do Multiverso vísivel — as formas que podemos conduzir nossas vidas e que possamos ver — e coisas como o Multiverso Sombrio, que abrigam aquilo que não nos é percebido. A vida muda de formas bastante inesperadas. Nunca sabemos o dia de amanhã.

E daí?

Sei que acaba parecendo um texto muito pessoal, mas é por isso que eu saí, e por isso que eu voltei ao Terra Zero. Marcelo Grisa é só um nome para alguém que já viveu um bocado e faz uns textos que alguns leitores gostam. Já fui e sou outras coisas, para outras pessoas em outros tempos, e posso ser muitas outras coisas. Precisava voltar aqui e vou ficar o tempo que precisar. Aprendi algumas coisas. Não quis saber de outras. Lidem com isso.

Você precisa ser tudo o que puder. A vida é uma só, afinal. Deixe as obsessões de lado, e viva para você mesmo sempre que puder. Você é a pessoa mais importante da sua vida. Viver para os outros pode trazer muita coisa… Mas não traz o que você quer. No final, as decisões são apenas de cada um. O Multiverso retorna, se você foi bom e fiel aos seus princípios.

Gostou de eu ter voltado? Se não, tudo bem, acontece. Se sim, peço que faça o mesmo abaixo: escreva o que você tem feito por você mesmo. Obrigado a todos de qualquer forma. Que Morrison os proteja.

11 Comentários

Clique para comentar

3 × três =

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com