Lemire e Sorrentino estão juntos novamente em Gideon Falls

Como se não bastasse o elogiadíssimo trabalho que o autor canadense e o desenhista italiano fizeram em Arqueiro Verde e Velho Logan, Jeff Lemire e Andrea Sorrentino unem-se mais uma vez para produzir um quadrinho. Desta vez, a proposta é independente e será publicada lá fora pela Image Comics a partir de março de 2018, segundo o anúncio oficial da obra feito hoje com exclusividade pelo Comic Book Resources.

Gideon Falls chega na esteira da New York Comic Con 2017 (cuja preview night acontece amanhã) e marca a estreia de Sorrentino no meio independente norte-americano. Lemire já é bem conhecido neste meio, principalmente com a Image e a Vertigo, onde produziu Sweet Tooth, Descender e A.D., apenas para citar algumas. Nas cores estará Dave Stewart, nove vezes vencedor do Eisner de melhor colorista.

Capa de Gideon Falls, por Andrea Sorrentino e Dave Stewart.
Capa de Gideon Falls, por Andrea Sorrentino e Dave Stewart.

A história narra a vida de um jovem que sofre de um transtorno mental capaz de lhe causar obsessões conspiratórias, e ele está certo de há algo estranho acontecendo no lixão da cidade. Quando um padre católico que questiona sua fé ao chegar na pequena cidade cheia de segredos sombrios, ambos os personagens descobrem que suas vidas estão conectadas pelos mistérios do Celeiro Negro.

Na entrevista com o CBR, Lemire e Sorrentino revelaram que Gideon Falls é uma história de horror, mas nenhum dos dois é fã do estilo; o autor cresceu nos anos 1980 e viu de perto a explosão de filmes slasher adolescentes da época, mas não gostava de nenhum deles. “Não tinha inteligência por trás daquilo, era só violência”, afirmou, garantindo que a nova HQ lida com terror psicológico explorando os medos de seus personagens, algo mais efetivo para a causa do horror no leitor. Sorrentino compartilha da opinião do colega, acrescentando ainda que ter consciência de que há coisas malignas e coisas que causam medo de verdade nas pessoas são muito mais aterrorizantes que histórias de horror genéricas.

Lemire ainda revelou que Gideon Falls é composto de várias de suas ideias que surgiram no início de carreira. Antes de ser publicado, ele tentou criar diversas histórias por volta de 2000 e 2002, que nunca foram impressas. Os temas destas histórias estão relacionados ao seu novo trabalho, ou seja, eles compõem esta narrativa de horror psicológico que ele e Sorrentino criaram, uma que, segundo eles, deve ser apreciada nos mínimos detalhes pelos leitores.

Por fim, Lemire foi questionado sobre sua conexão com a ruralidade, com o entrevistador apontando que o mistério central da nova HQ é um celeiro. O autor afirmou que tanto Norton (o garoto) como o padre Fred (um importante personagem, de ligação especial com o autor, que cresceu criado na igreja católica) descobrirão que este local é muito enriquecido pelos segredos mais sombrios e antigos cidade, e é nele que as coisas se desenrolarão.