Dark Nights: Metal expande o novo Multiverso DC

Não demorou muito e o editorial da DC já começou lentamente a expandir seu novo Multiverso pós-Rebirth através de arcos contidos como nos títulos do Superman. Estas pequenas interações entre as novas Terras da editora culminam finalmente em um novo evento chamado Dark Night: Metal.

Segundo o autor Scott Snyder, a historia gira em torno do metal enésimo e começa a partir da mais recente morte do Gavião Negro. A história mostra uma invasão do Multiverso Sombrio à atual Terra principal da DC pós-Rebirth, todas as consequências desta invasão e como os principais heróis da Terra, a Liga da Justiça, lidarão com este problema. Diz Scott Snyder, em vídeo para o programa DC All Access:

A história é realmente sobre uma invasão do [Multiverso Sombrio] aqui. Frequentemente essas histórias que lidam com dimensões multiversais… os heróis vão e descobrem algo. Mas esta é sobre outros nos atacando. Então é bem diferente de várias maneiras… Isso nos dá a chance de inventar várias coisas.

Segundo o autor:

Quando Batman começa a investigar a recente morte do Gavião Negro, tudo explode em uma grande história da Liga da Justiça, onde todos descobrem que o cosmo da DC é muito maior, mais assustador e mais maravilhoso do que todos pensavam.

Além da arte de Greg Capullo mostrando toda a Liga usando armaduras de batalha, foi divulgado também um quadro revelando o envolvimento de Mongul, membro do recém-formado Esquadrão da Vingança contra o Superman.

Escrito por Scott Snyder (BatmanVampiro Americano) e ilustrado por Greg Capullo (SpawnBatman), Dark Nights: Metal começa em agosto de 2017 e é descrito como um épico Rock ‘n Roll do antigo time criativo responsável por Batman. A saga iniciará uma nova linha de títulos chamada Dark Matter que, inicialmente, será composta pelos seguintes títulos: The Silencer, por Dan Abnett e John Romita Jr.Sideways, por Dan DiDio, Justin Jordan e Kenneth RocafortImmortal Men, por James Tynion IV e Jim LeeDamage, por Robert Venditti e Tony S. Daniel; e New Challengers, por Scott Snyder e Andy Kubert.