Warren Ellis revela ter plano de 2 anos para a nova Wildstorm

Warren Ellis está de volta a DC para recriar o Universo Wildstorm. A notícia foi dada pela imprensa mundial há alguns dias e continua reverberando entre fãs de HQs e admiradores do autor. Para comandar essa revolução do selo criado por Jim Lee no início dos anos 1990, Ellis escreverá o carro-chefe da nova linha: The Wild Storm. E, segundo ele próprio, esse plano deve durar por dois anos.

twscap

Em sua newsletter, Ellis revelou no final de semana que aceitou esse desafio da DC como uma forma de mudar sua abordagem de trabalho:

Eu nunca olho para trás. Raramente volto a fazer coisas que fiz anteriormente. Estive pensando sobre isso no último inverno – o que vocês não sabe, é claro, é que aceitei este trabalho no dia 1º de fevereiro, depois de uma longa conversa por telefone com Jim Lee. Ou seja, quando o convite apareceu, ele casou com as coisas que eu já estava pensando em dezembro. Foi uma daquelas sincronicidades estranhadas.

Enfim, não costumo voltar a fazer trabalhos que já fiz. Não olho para o passado. Porém, comecei a pensar se isso não tinha se tornado dogmático. Pensamento binário. Portanto, com o convite de Jim, poderia testar essa hipótese.

Apesar de explicar tudo isso, a grande revelação de Ellis veio quando ele explicou seu planejamento sobre a linha. Segundo ele, seis edições de The Wild Storm já estão escritas; além disso, o contrato dele com a DC durará dois anos, período para o qual ele já tem todo o planejamento editorial delineado. E mais: se Ellis renovar o contrato por um terceiro ano com a editora, ele sabe para onde quer ir.

O novo material começará a ser lançado em fevereiro de 2017. Estarão lá novas versões do Bandoleiro, da Vodu, da Engenheira e da Jenny Sparks, ícones da Wildstorm. Os títulos confirmados até agora são The Wild Storm, Michael Cray, WildC.A.T.S. e Zealot.

Resta aos fãs torcer para que ele fique mesmo esse tempo todo na editora.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com