Lois Lane: Amy Adams comenta mudanças da personagem no DCEU

A interpretação que Amy Adams deu à intrépida repórter Lois Lane dividiu opiniões nos dois principais filmes do DC Extended Universe lançados até agora: Homem de Aço (2013) e Batman vs Superman – A Origem da Justiça (2016). Apesar da qualidade da atriz, que já foi premiada diversas vezes e até indicada ao Oscar em duas cinco ocasiões, a abordagem dada à personagem fez muita gente torcer o nariz, tanto devido à inconsistência narrativa quando graças à interpretação questionável.

De qualquer forma, a própria atriz tem exigido que sua participação nos filmes seja mais assertiva. Ela vai reprisar o papel novamente para o longa da Liga da Justiça e tem coisas muito importantes a dizer sobre isso, todas reveladas no canal DP/30 no Youtube, na última quarta-feira (28).

lois lane amy adams superman henry cavill

Segundo Amy Adams:

Agora é tudo diferente. Ser a Lois Lane tem requerimentos diferentes em cada filme. É um grande desafio ser a mesma personagem com necessidades diferentes para cada história. Preciso de muita imaginação e essa é a melhor parte do nosso trabalho, seja atuando no meio de uma cidade fictícia gigantesca que construíram à sua volta ou simplesmente criando um relacionamento com outra pessoa. Tudo isso precisa do mesmo nível de imaginação e de comprometimento.

A Lois Lane de Amy Adams foi criticada, principalmente, em Batman vs Superman, onde seu papel foi desnecessário na maior parte da trama. Suas decisões equivocadas atrapalharam os heróis em diversos momentos e quase todos os seus diálogos foram destinados a ajudar o Superman a se levantar (física e psicologicamente). Isso vai contra suas principais qualidades: independência, irreverência e a inteligência. Logo ela, que é um dos grandes ícones femininos dos quadrinhos mainstream estadunidenses, se tornou dependente e fraca. É esperado que isso mude no próximo longa.

O longa Liga da Justiça estreia em novembro de 2017.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com