[Clarim Terra 8] Vingadores e as Guerras Secretas

O Clarim Terra 8 é o espaço dentro do Multiverso do Terra Zero para comentarmos um pouco sobre a situação na Marvel Comics. Então guarde seus Batarangues e Anéis Energéticos para falarmos um pouco sobre Escudos de liga de Vibranium e Manoplas do Infinito. Hoje, o assunto são os Vingadores.


 

Assim como Convergence foi na DC Entertainment, Guerras Secretas foi um evento divisor de águas no ano de 2015 na linha de quadrinhos da Marvel. A principal diferença entre as sagas no âmbito editorial e gerencial foi que, ao contrário da DC– que interrompeu suas publicações previamente ao evento e retornou com a nova linha de quadrinhos (mais ou menos) novinha em folha após seu término –, a Marvel manteve alguns de seus gibis mensais em linha durante as Guerras Secretas (sob o selo The Last Days).

Além disso, apressadinhos como são, o povo da Casa da Ideias já lançou praticamente toda sua nova linha de quadrinhos no último mês de outubro, mesmo antes do final de Guerras Secretas ter sido publicado. Para complicar (ou não, né?) ainda mais a vida do leitor marvete, estas novas publicações se passam cronologicamente oito meses depois do final de Guerras Secretas (que, teoricamente, é o início desta “Nova e Completamente Diferente Marvel”). É um pouco confuso, mas acho que dá pra entender.

All-New-All-Different
A nova cara da Marvel após Guerras Secretas.

Com o advento de Guerras Secretas, muita coisa mudou nas publicações da Marvel. Aqui, resolvemos dar uma repassada rápida e objetiva nos principais acontecimentos do Pré e Pós-Guerras Secretas nos títulos dos maiores heróis da editora: Os Vingadores.

Os Vingadores antes das Guerras Secretas…

Já não é de hoje que os títulos dos Vingadores são algumas das “galinhas dos ovos de ouro” da Casa das Ideias. Com a popularização crescente da franquia, ocasionada principalmente pela adaptação cinematográfica, a editora, no período que antecedeu imediatamente as Guerras Secretas, tinha cinco títulos com periodicidade regular em sua linha dos Vingadores: Avengers, New Avengers, Avengers World, Captain America and the Mighty Avengers e Uncanny Avengers.

No título principal e mais popular da franquia, Avengers, o arquiteto de Guerras Secretas, Jonathan Hickman preparava os arranjos finais para o início da saga pro meio do arco “Time runs out” – arco em oito partes que avançou a cronologia dos Vingadores em oito meses e fez uma contagem regressiva até o início das Guerras Secretas. No início de “Time runs out”, acompanhamos a caçada da equipe de Vingadores, associada à S.H.I.E.L.D., ao grupo conhecido como Iluminatti.

A equipe formada por Steve Rogers (já em sua encarnação idosa e sem o soro do supersoldado); Sue Richards (A Mulher Invisível), Gavião Arqueiro, Máquina de Combate, Capitã Marvel, Sam Wilson já como Capitão America e a diretora da S.H.I.E.L.D. Maria Hill declara os Iluminatti criminosos, por ocultarem os eventos de colisões entre as Terras do Multiverso Marvel das autoridades, e os caçam mesmo sabendo do fim iminente. O arco em Avengers termina momentos antes da última incursão (evento que marca o início de Guerras Secretas) em uma batalha dramática entre Steve Rogers e seu amigo Tony Stark, em meio ao fim do Multiverso Marvel.

PRE-POS-GUERRAS-AVENGERS-44
Steve Rogers e Tony Stark se enfrentam em meio ao fim do Universo Marvel em Avengers #44

O título complementar a Avengers no período pré-Guerras Secretas era chamado New Avengers. Também escrito por Jonathan Hickman, esta publicação (que também foi incluída no arco “Time runs out”) mostrava o lado dos Iluminatti tentando solucionar (ou mesmo remediar) a questão das incursões entre as Terras do Multiverso Marvel. Ao mesmo tempo, os Iluminatti fugiam das autoridades lideradas pela outra equipe de Vingadores, apoiada pela S.H.I.E.L.D.

A organização Iluminatti, que sofreu algumas mudanças radicais desde sua inauguração, era composta no pré-Guerras Secretas por Reed Richards, o Hulk (em sua recente encarnação inteligente, Dr. Green), Amadeus Cho, Tony Stark, Henry McCoy (o Fera), Blackagar Boltagon (o Raio Negro), Brian Braddock (o Capitão Britânia), Pantera Negra e o Doutor Estranho.

Enquanto isso o grupo de malfeitores conhecido como a Cabala – composto por Thanos, Namor, TerraxProxima Midnight, Corvus Glaive, Cisne Negro e Maximus, o Louco – tomou para si a responsabilidade de destruir as outras Terras da Marvel em rota de colisão com a Terra 616 (conhecido pelos leitores como o Universo Marvel, no qual se passam grande parte de suas histórias), assim tentando prolongar a vida útil ou mesmo preservar algo do Multiverso nesse período.

vingadores guerras secretas
Namor reúne a Cabala para fazer o trabalho sujo e salvar o Multiverso Marvel.

Horrorizado com os métodos dos integrantes de sua Cabala, Namor pede ajuda do Doutor Destino em sua tarefa, no entanto a ajuda lhe é recusada. O Príncipe Submarino, pede ajuda aos Vingadores já reunidos aos Iluminatti, mas é traído pelo Pantera Negra e, durante uma incursão entre três Terras do Multiverso Marvel,  é arremessado, juntamente com todo o resto da Cabala, na Terra 1610, mas conhecida como o Universo Ultimate. A presença da Cabala no Ultiverso e seu primeiro contato justamente com o Reed Richards daquela Terra gera consequências sentidas durante toda a história das Guerras Secretas.

Destino tem conhecimento da incursões e, com a ajuda do Pensador Louco, do Doutor Estranho e do instável Homem Molecular, desenvolve sua própria maneira de lidar com o problemas: Ir direto aos responsáveis pelo choque entre as Terras da Marvel: os Beyonders. O arco “Time runs out” em New Avengers termina justamente com o confronto entre Destino e os Beyonders. Em uma jogada arriscada para tentar destruir os misteriosos seres, Doom acaba acelerando o processo de destruição de todo Multiverso Marvel.

vingadores guerras secretas
Em uma jogada arriscada, Destino, Doutor Estranho e o Homem Molecular enfrentam os Beyonders.

Avengers World, apesar de ter seu roteiro no pré-Guerras Secretas escrito por Frank Barbiere, também foi um dos títulos que embarcou na preparação para a megassaga e avançou oito meses no futuro, por meio do arco “Time runs out”. O título serve para detalhar as ações e a ascensão de Roberto da Costa, o Mancha Solar, como líder da organização I.M.A. (Ideias Mecânicas Avançadas). Em Avengers World, acompanhamos os preparativos da equipe liderada por Roberto composta por Hiperion, Odinson (já não mais digno de portar o martelo Mjolnir), Míssil, Smasher, Máscara Noturna e Estigma para sua missão suicida de deter os Beyonders. Além disso, muitos dos pormenores da degradação da aliança entre Namor e a Cabala são mostrados nestes momentos finais do título o que culmina na traição de Namor e sua consequente aliança final aos Vingadores e Iluminatti.

Vingadores Guerras Secretas
A cisão entre Namor e a Cabala em Avengers World.

O segundo volume de Uncanny Avengers, escrito por Rick Remender, terminou precocemente no pré-Guerras Secretas em sua quinta edição. A equipe que tinha a proposta de unir mutantes e super-humanos da Marvel sofreu mudanças ao fim do primeiro volume da publicação (que culminou na terrível saga “Eixo”) e era composta de Wanda e Pietro Maximoff (Feiticeira Escarlate e Mercúrio respectivamente), Vampira, Sam Wilson (como Capitão América), Doutor Vodu, Visão e Dentes de Sabre. A trama ao final de Uncanny Avengers girava em torno da descoberta da “verdadeira” origem dos irmãos Maximoff e sua relação com o Alto Evolucionário. Em um mundo duplicata da Terra chamado Contra-Terra, esta equipe de Vingadores luta contra as hordas do Alto Evolucionário e a evolução dos Maximoff, a moça chamada Luminous. Além disso, vemos o drama do Visão, dividido entre a segurança de seus filhos junto ao organismo conhecido como Eve e seu amor pelo Planeta Terra e sua equipe. Logicamente, o androide vingador escolhe a segunda opção.

vingadores guerras secretas
Mercúrio frente a frente com o Alto Evolucionário no arco final de Uncanny Avengers.

Finalmente, em Captain America and the Mighty Avengers, publicação que une o Capitão América (Sam Wilson) ao grupo de super voluntários urbanos formado durante a saga Infinito, a Marvel opta por uma ousada jogada editorial e mantém o título em linha mesmo durante as Guerras Secretas sob o selo The Last Days. Mighty Avengers e sua sucessora Captain America and the Mighty Avengers sempre tiveram histórias com caráter urbano. Nessa histórias, o autor Al Ewing explora muito bem as consequências dos grandes eventos no Universo Marvel para a comunidade da cidade de Nova York. Em The Last Days, a única diferença é que Luke Cage, Jessica Jones, Monica Rambeau (sob o codinome Espectro), Homem Aranha, Punho de Ferro, Kaluu, Adam e Max Brashear (Blue Marvel e Doutor Positron respectivamente), Mulher Hulk, Ava Ayala (a Tigre Branco), Victor Alvarez (Power Man) e toda a equipe do “Call Center” desta equipe de Vingadores se esforça para dar um fim do mundo digno para os habitantes da cidade.

vingadores guerras secretas
Os momentos finais da Terra 616 mostrados em Captain America and the Mighty Avengers.

Muito resumidamente (acredite), esta era a situação das publicações da linha dos Vingadores antes das Guerras Secretas. Com a destruição e posterior reformulação do Multiverso Marvel no entanto, a linha dos Vingadores, apesar de não ter aumentado muito, teve algumas alterações em conteúdo, elenco e times criativos. O que nos leva a…

Os Vingadores após Guerras Secretas

A Marvel apresentou ao mundo sua linha de títulos dos Vingadores pós-Guerras Secretas em uma de suas edições únicas, com histórias curtas, chamada simplesmente Avengers #0 e publicada em outubro de 2015. O gibi é um pot pourri mostrando as novas equipes, enquanto tudo é observado pelo novíssimo Esquadrão Supremo – agora uma equipe formada por refugos do antigo Omniverso da editora.

vingadores guerras secretas
Imagem promocional da Marvel com a nova linha de títulos dos Vingadores após as Guerras Secretas.

Em sua iniciativa, chamada All New, All Different Marvel, a Casa das ideias (até o presente momento) anunciou a publicação dos seguintes títulos em sua linha de títulos associados aos Vingadores:

All-New All-Different AvengersO carro-chefe da linha dos Vingadores agora está nas mãos do queridão da massa, Mark Waid. Com uma equipe enxuta e formada basicamente por personagens com apelo fortíssimo entre os jovens leitores, esta equipe conta somente com o Homem de Ferro como membro de sua formação original. O restante da equipe ainda em estágio embrionário é formado pelo Visão, a Thor (Jane Foster), Miles Morales (o Homem-Aranha do Universo Ultimate), o jovem Sam Alexander como Nova, Sam Wilson como o Capitão América e a nova favorita da galera, Kamala Khan, a Ms. Marvel. Estes Vingadores não contam com o apoio de instituições governamentais, muito menos da S.H.I.E.L.D., e ainda estão tentando se ajustar a este novo universo e agir como uma equipe de fato.

vingadores guerras secretas
A nova equipe principal de Vingadores.

New Avengers: Al Ewing, ex-roteirista de Mighty Avengers pula para este novo volume de New Avengers após a aclamada passagem de Jonathan Hickman pela publicação. Aparentemente liderada pelo mutante brasileiro Roberto da Costa, a equipe que marca o retorno de Soprano e ainda conta com o casal mais fofo da MarvelHulkling e Wiccano, o experiente Gavião Arqueiro e a totalmente sensacional presença da Garota Esquilo. Vale ressaltar o fato de Roberto ter recentemente adquirido a ex-organização científico criminosa conhecida como IMA e agora este time de Vingadores conta com todos esses recursos. A publicação apresenta logo de cara um dos personagens mais controversos do Ultiverso da editora como antagonista: Reed Richards – o Criador.

vingadores guerras secretas
Os Vingadores e a IMA juntos em New Avengers.

Ultimates: O Ultiverso acaba ou não acaba depois de Guerras Secretas? Independente disso, a franquia Ultimates (Supremos, aqui no Brasil) já tem um título garantido escrito pelo autor de Loki: Agent of Asgard e Mighty Avengers. Curiosamente, a formação da equipe conta com Mônica Rambeau, membro do time de Poderosos Vingadores escrito por Ewing. Ainda compõem este elenco a Capitã MarvelPantera NegraBlue Marvel, a popular Miss America Chavez e, possivelmente, Galactus (!!!).

VINGADORES GUERRAS SECRETAS
Para resolver aqueles problemas grandes demais para os outros heróis da Marvel existem os Ultimates.

Uncanny Avengers: Após a saída de Rick Remender, Gerry “o homem que matou Deadpool” Duggan assume o título da equipe unificada de Vingadores liderada por Steve Rogers e composta pelo Homem-Aranha, Irmão Vodu, VampiraDeadpool, MercúrioTocha Humana e uma nova e misteriosa Inumana chamada Synapse. A proposta do título continua sendo a de uma equipe de Vingadores que luta para unificar todas as espécies do Universo Marvel – sejam humanos, mutantes, inumanos ou mesmo alguém como Deadpool. A presença do Mercenário Falastrão, no entanto, acaba por criar uma divisão dentro da equipe e a perda de um membro logo na primeira missão.

vingadores guerras secretas
Deadpool já causando discórdia na nova equipe de Steve Rogers.

A-Force: Oriundo do celebrado tie-in de Guerras Secretas sobre uma equipe de Vingadores composta unicamente de personagens femininas. Na nova Marvel, o time composto por CristalNico MinoruMedusaMulher-Hulk e a Capitã Marvel é reunido pela personagem oriunda de Guerras Secretas chamada Singularidade para combater ameaças multiversais misteriosas. Oito meses se passaram após o início desta nova Marvel e nenhuma das moças se lembra dos eventos que as reuniram durante as Guerras Secretas. O gibi conta com a mesma equipe criativa do tie-in, composta pela sensação G. Willow Wilson e o ilustrador Jorge Molina.

vingadores guerras secretas
A enigmática Singularidade reúne novamente a A-Force.

Esquadrão Supremo: HipérionFalcão NoturnoDra. SpectroTufão e a Princesa do Poder estão de volta pelas mãos de James Robinson e Leonard Kirk. Apesar de originalmente estes personagens serem oriundos da extinta Terra-712 da Marvel, a equipe em questão é formada por versões de diferentes partes de seu Multiverso e estes refugos farão qualquer coisa para proteger esta Terra. Isso os coloca em rota de colisão com um dos pesos-pesados da editora logo em sua estreia: Namor.

vingadores guerras secretas
O Esquadrão Supremo enfrenta Namor em sua estreia na nova Marvel.

Aparentemente, apesar da rotação das equipes criativas e algumas mudanças de elenco, nem todos os títulos dos Vingadores tiveram uma mudança tão drástica de premissa. A Marvel faz um investimento louvável no título principal da franquia colocando uma diversidade de personagens muito interessante como os bastiões deste novo universo. No entanto, a insistência em reunir uma enorme quantidade de equipes ainda é uma ideia bem confusa para quem está começando a acompanhar quadrinhos. Resta saber se as sementes plantadas aqui gerarão os frutos esperados, como aconteceu em alguns títulos no período pré-Guerras Secretas.

2 Comentários

Clique para comentar

quatro + catorze =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com