Pacific Rim 2 cancelado. O que o futuro guarda para del Toro?

Pacific Rim 2 já era. Ou quase isso.

Quando o primeiro filme foi lançado, sob o título de Círculo de Fogo no Brasil em 2013, a Warner Bros. estava se desfazendo de sua parceria com a Legendary Pictures. Quando o acordo foi fechado, a produtora fechou contrato com a Universal Picures. Logo, ela seria responsável pela sequência do filme. Durante este complexo trâmite, Guillermo Del Toro, criador, roteirista e diretor do filme, escreveu um roteiro para um filme da Liga da Justiça Dark. Apaixonado pelos personagens místicos da DC, del Toro sempre quis fazer um filme com eles, e começou a trabalhar com afinco na ideia.

Finalizado em novembro de 2014, o roteiro foi entregue à Warner logo em seguida, mas Del Toro saiu da pré-produção do filme meses depois alegando que precisava se concentrar em Pacific Rim 2, agendado para sair em agosto de 2017. Em entrevista exclusiva concedida ao Daily Beast em julho deste ano, Del Toro afirmou que foi colocado em uma situação complicada, pois a Warner, que gostou do roteiro, queria que o filme também saísse em 2017, deixando o diretor frente a um dilema. Ele preferiu Pacific Rim 2.

Imagem promocional de Círculo de Fogo (2013).
Imagem promocional de Círculo de Fogo (2013).

Sua escolha, no entanto, parece ter sido um equívoco. Uma nota publicada na tarde desta quarta-feira (16) pelo The Hollywood Reporter indica que o filme foi cancelado. A Legendary está preocupada com a arrecadação do filme, já que o primeiro não foi um sucesso. Círculo de Fogo faturou US$ 411 milhões, mas custou US$ 190 para ser feito. Além disso, o termômetro para os estúdios continua sendo a bilheteria doméstica, ou seja, nos Estados Unidos. E lá, o filme foi um fiasco, faturando US$ 100 milhões, pouco mais da metade do custo.

Quem salvou a bilheteria foi a China. A Legendary, no entanto, não acredita que o feito vá se repetir: “a empresa investiu muito na China nos últimos anos Isso, porém, não é suficiente para o andamento deste projeto [Pacific Rim 2]. Se ele acontecer, o lançamento não será em 2017, na verdade”, disseram ao THR fontes anônimas na Legendary.

Pôster brasileiro de Círculo de Fogo (2013).
Pôster brasileiro de Círculo de Fogo (2013).

Se Del Toro manteve uma boa relação com a Warner e está com tempo livre para lançar um filme em 2017, a hora é agora. Recentemente o estúdio fechou uma parceria com a New Line para lançar filmes baseados em franquias da Vertigo. Ainda que os personagens que compõem a Liga da Justiça Dark tenham sido reabsorvidos pelo Universo DC, a abordagem mística e ocultista deles destoa do resto dos super-heróis que a Warner está levando para o cinema. Logo, esta parceria com a New Line pode vir a calhar. Levando-se em conta que o roteiro do filme está pronto e que o seriado Constantine foi cancelado, o timing não poderia ser melhor.

Montagem com alguns dos personagens da Liga Dark. Reprodução.
Montagem com alguns dos personagens da Liga Dark. Reprodução.

Segundo boatos divulgados recentemente pelo Heroic Hollywood, a Warner ofereceu a direção da Liga Dark para George Miller, após o sucesso do seu novo Mad Max. O diretor australiano, porém, recusou a oferta. De qualquer forma, isso é uma prova de que o estúdio ainda está interessado em produzir este filme.

De qualquer forma, Pacific Rim 2 pode nunca acontecer, mas isso não impede o crescimento da franquia. Recentemente, o trio Joshua Hale Fialkov, Marcos Marz e o brasileiro Marcelo Maiolo lançaram um quadrinho expandindo este universo.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com