Exclusivo: Balbi, Guimarães e Catena falam sobre Jackpot e o Catarse

Jackpot é um dos mais novos projetos de HQs a ingressar no Catarse, mas já obteve mais de 25% dos R$ 20 mil necessários para financiar a obra. O mundo ficcional do desenhista Guilherme Balbi (Predators, Team 7) e colorido por Henrique Guimarães existe desde 2010 na internet, e agora está sendo redesenhado por eles, contando com o reforço de Rafael Rodrigues (roteirista também de Dies Irae) e Fábio Catena (produtor), ambos também membros do site Melhores do Mundo.

A premissa para as tiras que vão compor o livro de 120 páginas é a de uma série de cenários hipotéticos e surreais. Entre exemplos factíveis (e inclusos em Jackpot) estão o seu xampu não curtir você trocar de marca e brigar com você; ou as balas do revólver de um policial terem vidas, relacionamentos e até férias do serviço de atingirem criminosos.

Seguem as artes enviadas pelo time criativo, com exclusividade para o Terra Zero:

Falamos com Balbi, Guimarães e Catena sobre o projeto, surrealismo, além do processo criativo e de pesquisa que envolveu os dois anos de desenvolvimento do projeto. Confira:

[soundcloud url=”https://api.soundcloud.com/tracks/203944919″ params=”auto_play=false&hide_related=false&show_comments=true&show_user=true&show_reposts=false&visual=true” width=”100%” height=”450″ iframe=”true” /]

Falamos sobre o Paulo Siqueira no nosso One-Shot triplo de Multiversity, que incluiu o Guia do Multiverso. Além disso, a Rebeca Prado, que está entre os artistas convidados de Jackpot, já falou conosco na semana passada – afinal, o Catarse já ajudou a financiar mais de cem quadrinhos nacionais de uma ampla variedade de autores.

5 Comentários

Clique para comentar

6 − um =

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com