Dossiê: a vida agitada de Mercúrio

Atenção: porções deste dossiê podem conter spoilers de material inédito no Brasil. Leia por sua conta e risco!


 

Se o segundo filme dos Vingadores despertou em você a curiosidade de saber mais sobre o personagem Mercúrio, aperte o cinto. Você está prestes a conhecer um pouco mais sobre um dos personagens mais adorados e odiados do panteão da Marvel.

Antes, um alerta: as grandes editoras dos Estados Unidos têm que lidar com continuidades que se estendem por décadas. Para manter a relevância dos personagens, mudanças drásticas são inseridas na biografia de heróis e vilões com certa frequência. Por isso, quando colocamos a história toda de uma destas figuras em ordem, é complicado tudo fazer sentido. Ao mesmo tempo, é muito divertido ver o desenrolar dessa vida fictícia como uma grande tapeçaria biográfica. O que escolhemos contar aqui é a versão da história de Mercúrio que existe hoje e que pode mudar a qualquer momento.

Visão geral: Mercúrio é um herói que possui supervelocidade e que apareceu pela primeira vez em X-Men #4 original (criado por Stan Lee e Jack Kirby), já ao lado de sua irmã gêmea, Wanda Maximoff, a Feiticeira Escarlate, ambos então membros da Irmandade de Mutantes de Magneto. Mercúrio deixou a Irmandade para se tornar um Vingador, voltou para a Irmandade, depois para os Vingadores, fez parte dos Inumanos e do X-Factor, teve um título solo, perdeu poderes, ganhou outros poderes, viajou no tempo, recuperou os poderes originais, foi professor de jovens heróis e, recentemente, redescobriu sua ascendência.

Agora vamos tentar contar essa história de uma maneira que faça mais sentido e, para isso, temos que voltar à década de 40 e a um personagem chamado Whizzer (no Brasil, Ciclone).

Whizzer, ilustrado por Al Avison
Whizzer, ilustrado por Al Avison

Robert Frank era o filho do Dr. Emil Frank. Durante uma viagem científica às florestas da África, Robert é picado por uma cobra e, como eles estão no meio da selva, o Dr. Emil faz uma transfusão de sangue para salvar seu filho. Mas ao invés de sangue humano, ele usa sangue de um mangusto (bicho da família do suricatos). Ao invés de acabar de matar o menino, o sangue animal lhe dá superpoderes, no caso, o de se mover mais rápido do que qualquer ser humano no mundo. Supervelocidade! (Mais tarde, esta origem foi revista e o sangue do mangusto passou a ser o catalisador da habilidade mutante de Robert, que já existia, mas estava dormente). De qualquer maneira, Robert decide usar seus poderes para combater o crime usando o nome Whizzer.

Whizzer por Al Avison
A origem de Whizzer, originalmente contada por Al Avison

Em Giant-Sized Avengers #1, de 1974, Wanda percebe que a supervelocidade de Whizzer é muito parecida com a do seu irmão. Em uma conversa entre os dois, Robert revela à Wanda que ele e sua mulher, Madeline (esta também outra heroína da era de ouro, chamada Miss América) tiveram um casal de gêmeos chamado Wanda e Pietro nas montanhas Wundagore, onde foram então assistidos por uma vaca evoluída chamada Bova. Sim, isso mesmo. Segura a onda aí que Bova é importante. Dias depois de dar à luz os gêmeos, Madeline morre e Whizzer vai embora, deixando os bebês aos cuidados de Bova, a vaca evoluída criada pelo Alto Evolucionário.

Bova Ayrshire, no traço de Rich Buckler
Bova entrega Pietro e Wanda a Robert Frank. Arte de Rich Buckler.

Anos mais tarde, foi revelado que, na verdade, os filhos gêmeos de Madeline e Robert foram natimortos e que a mãe deles também não resistiu ao parto complicado e faleceu. Os gêmeos assistidos por Bova foram os que nasceram de Magda Eisenhardt, uma mulher que apareceu em Wundagore desesperada, fugindo de um marido perigoso. A parte interessante aqui é o texto original dessa cena. Apresentada pela primeira vez em Avengers #186, esta versão da história dos pais de Mercúrio e Wanda, diz que uma mulher chegou à casa de Bova fugindo de “um marido que tinha ganhado estranhas habilidades, poderes que o deixaram delirante com o desejo de governar o mundo. Temerosa que a loucura dele fosse corromper a criança que a mulher nem sabia que carregava, ela o abandonou”. Ou seja, o nome Magneto (ou Eric, nome original do vilão) não é mencionado nem uma vez! Lembre-se disso.

Os gêmeos nascidos de Magda, estes sim chamados Wanda e Pietro, foram oferecidos a Whizzer, como forma de aliviar a sua dor, mas Robert não aceitou e preferiu sair correndo. A mãe das crianças, ainda com medo de que o marido a encontrasse, decidiu abandonar os pequenos e fugiu dos cuidados de Bova para nunca mais ser vista (outras versões da história dizem que Magda morreu devido a complicações durante o parto). Como as montanhas de Wundagore são palco das experiências do Alto Evolucionário, todas com componentes nucleares, ele decide colocar as crianças em animação suspensa para evitar que elas se contaminem com radioatividade. Mais tarde, ele entrega ambos ao casal de ciganos Django e Marya Maximoff, que os cria como sendo seus filhos.

Django Maximoff e Marya Maximoff, por Dave Hoover
O casal Maximoff cuida de seus novos filhos. Arte de Dave Hoover.

Quando adolescente, Wanda foi abusada por um garoto e obrigada a usar seus poderes para fugir, causando o incêndio de uma casa no processo. No entanto, os habitantes do vilarejo (em algumas versões estes habitantes são conhecidos, em outras são pessoas estranhas aos irmãos) acusaram Wanda de seduzir o garoto com seus poderes de bruxa e a perseguiram. Ela e o irmão são salvos por Magneto e, por gratidão, entram para a Irmandade de Mutantes. Nunca à vontade como “vilões”, os irmãos decidem se unir aos Vingadores quando uma entidade extraterrestre chamada Estranho sequestra Magneto. A dinâmica dos Vingadores se torna mais complexa durante esta época. Gavião e a Feiticeira se tornam amigos próximos, enquanto Mercúrio desenvolve uma personalidade cada vez mais bruta e ranzinza. Durante uma missão, Wanda é ferida e Mercúrio a leva até Magneto, que a ajuda a se recuperar. Eles voltam a fazer parte da Irmandade por um breve período, mas decidem que Magneto é o verdadeiro vilão. Ambos voltam para os Vingadores e, durante uma missão, Pietro é ferido por um Sentinela (robôs gigantes desenvolvidos para matar mutantes). Ele abandona o campo de batalha e é resgatado por Crystalis, uma Inumana que o ajuda a se recuperar. Ao longo deste tempo, ambos se tornam mais de que conhecidos e acabam se casando.

Mercurio Cristalys, por Rich Buckler
O casamento de Mercúrio e Crystalis, por Rich Buckler

Wanda, por sua vez, se vê cada vez mais enamorada de Visão, androide senciente e também um Vingador. Eles se casam, para desgosto de Pietro e Gavião Arqueiro. É durante este período que os irmãos conhecem Whizzer e começam a acreditar que eles podem ser filhos do velho herói. No entanto, durante uma missão onde Wanda é possuída por uma entidade demoníaca, Pietro conhece Bova e ela revela que ele e sua irmã não são filhos do velocista. Foi também Bova quem, sob tortura, contou a Magneto que os filhos de Magda não morreram e que eles poderiam ser Pietro e Wanda.

Mercurio e Bova, por John Byrne
Mercúrio conhece Bova. Por John Byrne

Pietro aceita o relacionamento de Wanda graças à magia telepática de uma personagem chamada Serpente da Lua e a Feiticeira Escarlate, enquanto é uma Vingadora, treina com uma verdadeira bruxa idosa chamada Agatha Harkness. Harkness ajuda a heroína controlar seus poderes e a usar melhor o seu conhecimento de magia. Quando Agatha morre, Wanda ganha poderes mágicos que a ajudam a ter dois filhos – supostamente gerados pela relação dela com o Visão, com quem ela havia se casado. O relacionamento dos irmãos é completamente restituído quando Pietro e Crystalis têm uma filha, chamada Luna. É quando ela nasce que Magneto, pela primeira vez, diz que ele é o pai de Mercúrio e da Feiticeira Escarlate, sendo que Luna é sua neta. Pietro não aceita as revelações do pai, dizendo que ele era um tirano com os dois durante o tempo em que eles foram parte da Irmandade, ameaçando ambos sempre que eles falavam em sair do grupo. Especialmente Wanda.

Pietro, Crystalis e Luna. Arte de Kerry Gammill
Pietro, Crystalis e Luna. Arte de Kerry Gammill

Em sua vida pessoal, Pietro, como pai e marido, não é dos melhores. Ele se torna parte da guarda dos Inumanos, mas nem isso o permite passar mais tempo com sua mulher e filha. Se sentindo negligenciada, Crystalis acaba sendo infiel e, quando é descoberta, vê seu marido ficar maluco. Ele ataca os Vingadores e só é persuadido a abandonar seus planos de destruição quando Visão o pergunta se ele está disposto a deixar seus sobrinhos órfãos. Pietro se associa a aliados escusos para criar seres super-humanos, acreditando, como seu pai fizera antes dele, que os mutantes são seres superiores e que é deles o direito de herdar a Terra.

Mercúrio, por Joe Quesada
Mercúrio está bravo, muito bravo. Por Joe Quesada

Mercúrio se autoproclama Rei dos Mutantes, mas é capturado pelo X-Factor, grupo financiado pelo governo falsamente visto pela população e pelos seus patrocinadores como caçadores de mutantes. Pietro é restabelecido em Atillan, casa dos Inumanos, onde descobre-se que suas ações eram comandadas por Maximus, o Louco, irmão do Raio Negro, chefe dos Inumanos. Com sua sanidade restaurada, Mercúrio permaneceu com os Inumanos por um tempo. Logo, no entanto, ele voltou secretamente aos Vingadores, enquanto, publicamente, se associou de novo a Magneto, que naquele momento tinha Wanda ao seu lado.

O que aconteceu foi que Wanda passou por um período terrível. Primeiro o Visão foi desmantelado por um grupo internacional. Reconstruído sem sua programação original, mas sem a personalidade de Magnum, herói de quem ele herdou sua personalidade – e que tinha uma queda por Wanda. O resultado foi que este “novo” Visão se lembrava do que tinha vivido com Wanda, mas não conseguia mais retribuir o amor que ela ainda nutria por ele. Par piorar, ela descobriu que seus filhos nunca existiram de verdade. Foram construtos mágicos de sua mente, que receberam corpo graças à mágica de Mephisto. Tudo isso a deixou meio maluca, o que acabou por reaproximá-la de seu suposto pai. Mercúrio e os Vingadores descobrem depois que Wanda estava sendo manipulada por Immortus, que a usou para controlar o próprio tempo. No entanto, os planos do vilão deram errado e Wanda perdeu seus poderes por um tempo. Ela os recupera com a ajuda do Dr. Estranho, que a treina nas artes místicas também.

X-Factor por Clarke Hawbaker
X-Factor por Clarke Hawbaker

Pietro fica com sua irmã durante um tempo, ainda nos Vingadores, mas depois vai para o X-Factor. Apesar de composto por membros diferentes, nominalmente o mesmo grupo que o ajudara se livrar do controle de Maximus anteriormente. (É durante este período que a personalidade de Pietro é melhor explicada e esclarecida, graças ao trabalho do roteirista Peter David). Quando o grupo deixa de ser estatal e é obrigado a trabalhar na clandestinidade, Pietro sai. Ele ajuda os Vingadores durante uma missão, mas se recusa a voltar ao grupo quando descobre que Crystalis se tornara uma vingadora. No entanto, ele entra para o time de novo quando tem que resgatar sua filha Luna das mãos dos acólitos de Magneto. Nesta luta, ele é seriamente ferido por Exodus e resgatado por Cavaleiro Negro, então não só um vingador, mas um vingador apaixonado por Crystalis. O Cavaleiro eventualmente se encaminhou por outros lados, enquanto Crystalis e Pietro se reaproximaram.

Pouco depois, Crystal e os Vingadores aparentemente se sacrificaram para deter a ameaça conhecida como Massacre e Pietro foi ter com os X-Men. Ele deixou o grupo dizendo que queria encontrar outros ex-Vingadores, mas na verdade se recusou a fazer parte de qualquer grupo de heróis não mutantes em retaliação aos atos anti-homo superior promulgados pelo governo após Massacre.

De novo confrontando Exodus e os Acólitos, Mercúrio se uniu ao Alto Evolucionário eu ajudou a salvar Wundagore. Ele foi convidado a permanecer nas montanhas e liderar os Cavaleiros de Wundagore, animais superdesenvolvidos, criados pelo Alto Evolucionário, em suas batalhas contra a injustiça. Pietro aceitou o convite e se mostrou especialmente apto a guiar os exércitos durante as batalhas. No entanto, ele não permaneceu muito tempo ali, indo embora para reencontrar Crystalis quando os heróis que todos pensavam estar mortos voltaram à vida. Ambos ajudaram os Vingadores a se reestruturar e se tornaram membros reserva do time, ajudando o grupo esporadicamente.

Genosha
Genosha, pertinho de Madagascar

Pouco tempo depois, Magneto ganhou o controle da ilha de Genosha. Durante uma missão de reconhecimento da ilha, Pietro foi capturado pela resistência contra Magneto e só sobreviveu graças à intervenção de Vampira e da acólita Amelia Voght. Libertado e pronto para sair dali, Pietro decidiu ficar quando Vought lhe mostrou campos de refugiados acometidos pelo vírus Legado. Mercúrio pretendia atuar como a consciência do pai, lembrando a ele que humanos e mutantes mereciam uma vida sem sofrimento e segregação. Magneto, por sua vez, queria transformar o filho em um servo subserviente. Durante sua estada em Genosha, Pietro é exposto ao mutagênico conhecido como Isótopo E, o que leva seus poderes a níveis estratosféricos. Durante este período, sua relação com Wanda também se deteriorou, uma vez que ela tinha voltado a ser uma Vingadora quando se recuperou do evento Massacre e não aceitava o irmão trabalhando ao lado do pai.

Daqui em diante, os problemas se agravam devido ao uso de Wanda como uma agente do descontrole e da destruição via poderes que nunca disseram antes que ela possuía. Entramos agora na parte mais recente da história de Mercúrio e da Feiticeira Escarlate, bem como a parte mais dramática. Uma história que tem seu marco inicial no evento chamado no Brasil de Vingadores: A Queda (Avengers Disassembled, no original). Nesta história, Visão, Homem-Formiga e o Gavião Arqueiro são mortos, a Mulher-Hulk parece ter se transformado em uma versão esmagadora à seu primo e a mansão dos Vingadores é destruída. Logo eles descobrem que a culpada de tudo isso é a Feiticeira Escarlate, que teria ficado maluca ao se lembrar que seus filhos nunca existiram de verdade. Mais tarde, foi revelado que Wanda teria ido ao Doutor Destino pedir que ele a ajudasse a recuperar os seus filhos e foi Victor Von Doom quem a enlouqueceu e deixou que ela causasse todos os problemas que causou.

House of M, por Joe Quesada
Capa de House of M #1, por Joe Quesada

O fato é que Wanda é vencida pelos Vingadores e enviada para Genosha, para ficar sob os cuidados de seu pai e do irmão. Desesperado com os delírios da irmã, Pietro sugere que ela crie uma realidade alternativa, na qual mutantes dominam tudo, os filhos dela existem de verdade e todo aquele sofrimento não passa de ecos do passado. Wanda então remodela a realidade à sua revelia, criando a Dinastia M. Neste mundo novo, a família Maximoff é soberana, Magneto é o chefe do mundo e os mutantes são a maioria da população, bem como os grandes poderosos do planeta. Somente algumas pessoas ainda se lembram do mundo anterior. Entre estas estão Magneto, Wolverine e a misteriosa mutante Layla Rose Miller, conhecida como Borboleta. Wolverine confronta Magneto, que, por sua vez, diz que o grande culpado de tudo é Mercúrio, por ter sido ele quem convenceu a irmã mentalmente instável a criar aquela realidade. Enfurecido, Magneto esmaga Pietro sob um Sentinela gigante. Desesperada, Wanda refaz a realidade como era antes, trazendo o irmão de volta à vida, mas também dizendo as palavras que iam amaldiçoá-la para sempre: “chega de mutantes”.

Ao retornar para o “curso normal”, a realidade é quase a mesma de antes. A diferença é que a população de mutantes foi reduzida a menos de 1% do que era. Entre os sem-poderes, está quem? Mercúrio. Desesperado para conseguir seus poderes de volta, Pietro vai à Attilan, terra dos Inumanos, e se expõe às névoas terrígenas – método que desperta os poderes dos Inumanos. Ele ganha uma espécie de poder parecido com o seu e também uma limitada habilidade de viajar no tempo. Além disso, ainda um tanto insano, ele rouba cristais terrígenos e os usa para restaurar o poder de outros mutantes, bem como despertar poderes em descendentes de Inumanos que vivem entre as pessoas normais. Isto causa a morte de muitos e o aparecimento de poderes em outros tantos.

Como agiu sem a permissão de Raio Negro, líder dos Inumanos, Mercúrio dá início à chamada Guerra Silenciosa. Durante este conflito, Pietro e Crystalis se reencontram. Ela vê como ele mudou e declara o casamento deles anulado, segundo as leis dos Inumanos. No título do X-Factor, Pietro tem os cristais que roubara de Attilan extraídos do seu corpo por outro mutante, perde seus poderes de novo e é preso. Encarcerado, Pietro é vítima de uma série de alucinações e, inexplicavelmente, recupera seus poderes. Após fugir da cadeia, ele salva um inocente e redescobre sua vocação para ser um super-herói.  Durante a saga Invasão Secreta, ele tenta convencer os outros de que foi um Skrull tentando se passar por ele o responsável por todos os seus atos recentes, o que dá certo com a maioria das pessoas. No entanto, Luna, Jarvis e Magneto, entre outros, sabem a verdade e enxergam através do que Mercúrio quer dizer. Esta mentira faz com que Luna corte laços com o pai. Ainda tentando se recuperar das manchas mais recentes em sua reputação, Pietro se une à Hank Pym, Tigra e outros heróis como professor na Academia Vingadores, onde ajuda a treinar uma nova geração de heróis.

Quando os X-Men e os Vingadores entram em conflito, devido às possibilidades destruidoras da personagem Hope (uma mutante que pode ou não ser a próxima hospedeira da força cósmica Fênix), Wanda e Pietro ficam do lado dos Vingadores, sendo a Feiticeira a única capaz de deter Hope, caso esta viesse a se tornar o que todos temiam. No entanto, a força Fênix não se hospeda em Hope, mas nos X-Men. Somente os esforços conjuntos de Hope e Wanda conseguem deter um Ciclope possuído pelo poder incomensurável da Fênix Negra. Após a batalha, os poderes mutantes do mundo são restabelecidos, o que leva a crer que o encanto “chega de mutantes” foi definitivamente quebrado.

Mercúrio, por Carmine Di Giandomenico
Mercúrio, por Carmine Di Giandomenico

Recentemente, Mercúrio voltou a fazer parte do grupo X-Factor (agora All-New X-Factor) e foi confrontado a respeito de suas ações com os cristais terrígenos, bem como suas mentiras em relação à história de ter siso substituído por um skrull. Mercúrio admitiu o erro e isso o faz se reconciliar com sua filha. Durante a saga Axis, publicada nos Estados Unidos no ano passado, uma enfurecida Wanda lança um feitiço sobre Mercúrio e Magneto. Um encanto que deveria derrubar aqueles que são “da sua família”. Pietro é atingido pelo feitiço, mas Magneto não! O que só pode significar uma coisa: Magneto não é o pai de Wanda e Pietro Maximoff.

E quem são os pais dos gêmeos?

Esta pergunta ficou no ar até, literalmente, o começo deste mês. Em Uncanny X-Men #4, escrita por Rick Remender e desenhada por Daniel Alcuña, foi revelado que Wanda e Pietro são filhos biológicos de Django e Marya Maximoff. Eles foram roubados pelo Alto Evolucionário, foram vítimas de experiências que o cientista maluco classificou como fracassadas, e devolvidos aos pais verdadeiros como “mutantes comuns”. Ou seja, eles não nasceram mutantes.


E esta história, termina aqui? É claro que não! Acompanhe o Terra Zero para continuar acompanhando esta história.

9 Comentários

Clique para comentar

doze + 3 =

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com