Fim de Semana Semanal: Olhando para o Futuro – Parte 1

[o artigo abaixo contém “spoilers“]

No primeiro artigo que resenha as edições de “Future’s End” lançadas nesta última semana os redatores Morcelli e Pab Sarmento comentam a histórias, suas impressões e dão um veredito para este início de série. Diferente do que é feito com “Batman: Eternal”, que ganha artigos desmantelando a história, a nova semanal da DC será resenhada no Terra Zero no estilo de “comentários em tempo real”. Por isso, é importante que o leitor dos artigos tenha ao menos visto uma prévia das edições.

futuresendfront

Preparado para viajar na máquina do tempo do Universo DC e ir para o Futuro? Chegou a hora!

FUTURE’S END #0 & #1
Roteiro: Brian Azzarello, Jeff Lemire, Dan Jurgens, Keith Giffen
Arte: Ethan Van Sciver, Patrick Zircher, Aaron Lopresti, Dan Jurgens, Jesus Merino
Arte-Final: Art Thibert, Mark Irwin, Dan Green
Cores: Hi-Fi
Capas: Ryan Sook

Morcelli:
Acabei de ler as duas
Fraco, hein

Pablo Sarmento:
Achei ele meio corrido. Tu não teve essa impressão.
E tá violento pra caralho.

Morcelli:
Tá mesmo. Pior que isso, as coisas acontecem sem muito sentido. E tem uns diálogos muito merdas. Aquela conversa do Frankenstein com o Barry foi muito ridícula

Pablo Sarmento:
Acho que a parte mais gratuita foi a parte do bandoleiro.
Mas não foi de todo ruim pra mim também. Curti tipo a parte do mistério, porque já que eles tocam a cronologia pra frente ela deixa várias lacunas para o serem contadas nesse meio tempo.
Tipo a parte da Guerra e do Arqueiro reformular a Liga…

Morcelli:
É, também fiquei curioso com isso. O plano do Bruce também faz sentido, apesar de eu achar extremo. O Irmão-Olho assumiu uma posição clássica de IA evil e foi ele e o Michael Holt que criaram esta joça
Agora, mandar o Terry pro passado simplesmente pra matar o Michael parece simples demais. O Bruce seria mais sofisticado que isso

Pablo Sarmento:
Mas ele não fala exatamente isso, ele quer parar a criação do irmão Olho. O Batman não mata. Ele devia ter um plano. E pelo jeito a semanal da Terra 2 vai ser bem ligada a essa treta do Future’s End
O que eu achei legal foi o fato de eles inverterem a idéia de 52. Porque 52 contou a lacuna de uma ano no universo e Futures End deixa esse espaço pro cara explorar
Tipo a idéia do Stormwatch foi outra coisa que achei legal! Tipo aquele ponto em que a nave é destruída é o que se precisa para nascer o Autority.

Morcelli:
Sim, sim. Tomara que seja isso mesmo, ou a DC vai ter pirado de vez hahaha. Agora, de modo geral tudo podia ser melhor. Foram 2 edições. Já temos 50 páginas de quadrinhos muito mal contatos pra uma equipe deste calibre. É melhor que um bocado de coisa saindo hoje em dia, mas perto do prometido… fraco
Mas como é uma semanal e será de longa duração vamos continuar lendo pra ver até onde vai

Pablo Sarmento:
Acho que pra temática de série de TV que é a idéia dela. Contar uma história sobre universo, ela faz uma papel legal. Me comprou com o piloto.
Além de termos o Jaimito de volta hahahahahaha

Morcelli:
Ah vá, esse Besouro Azul mexicano aí não cola não, hahahaha.

Pablo Sarmento:
#blasfêmia

Morcelli:
Agora, você percebeu que o Arqueiro tava com a roupa clássica de caçador dele? Igual afase do Mike Grell
Bom, acho que é isso por enquanto. 35 anos no futuro tá todo mundo sendo dominado pelo Irmão-Olho e a DC quis cagar mais um pouquinho no Superman transformando ele num desses.
Hahahaha

Pablo Sarmento:
O legal é que eles deram vários plots para serem desenvolvidos com o andamento da série. Assim como feito em 52. Eles já criaram várias camadas que vão se desenvolver separadamente e vão culminar juntas.
Nos 75 anos do Batman vamos ver o Batman se eternizar e salvar o futuro. #batmanmaiorquetudo

Morcelli:
Hahahahahahaha. Então, eu acho legal isso, mas não sei… eu vi uma crítica do CBR que falou uma coisa muito interessante sobre estas duas edições. Elas têm aquela sensação de “been-there-done-that”, sabe. O argumento não é novo, a forma narrativa não é nova e execução não trouxe algo convincente a ponto de deixar isso passar, então… tomara que melhore.

Pablo Sarmento
Verdade. Fechamos em um 7.

Morcelli:
Isso. Acho que 7 é indicado pras duas edições juntas.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com