“Grayson” estreia em Julho

[o artigo abaixo contém “spoilers“]

Por Diego Bachini

O destino de Dick Grayson finalmente foi revelado. A algumas semanas o vazamento de informações sobre a nova HQ Grayson ainda não deixavam certo o futuro do personagem. A série vai ser desenhada Mikel Janín e escrita por Tim Seeley, que também está trabalhando em “Batman Eternal Vol.1” e Tom King, um ex-oficial de operações de contraterrorismo da CIA. King não está aí por acaso. Dick deixa sua roupa de super-herói para se tornar um agente secreto.

1397500147000-GRAYSON-COMICS-jy-3912-

Depois de ser ofuscado pela figura do cruzado de capuz, esta é uma oportunidade de Grayson “tirar a máscara e sair por conta própria em um mundo onde ele não está simplesmente sendo um outro herói como o que ele cresceu convivendo“, disse King.

A atual série Asa Noturna termina com na edição 30, dia 28 de maio. Na atual “Forever Evil“, Dick Grayson acabou tendo sua identidade revelada pelos vilões do Sindicato do Crime da Terra 3, isso destruiu com seu alter ego de Asa Noturna. Além disso ele é aparentemente assassinado.

Batman, quer uma transição de Dick para uma vida heroica diferente, pelo o bem maior e lhe diz por que ele precisa ‘ficar morto’, não só para o mundo em geral, mas para Batgirl, Alfred e o resto do “Bat-família“.

Obviamente, ele é uma parte de um legado“, disse Seeley. “Ele tem sido Robin, ele tem sido o Batman, e agora ele está lá fora, no frio por sí mesmo.”

King completa: “Ele está fazendo algo que vai causar dor a seus amigos e sua família, mas ele acredita nessa causa. Essa tensão entre ter que fazer algo de bom, mas com o custo e ser a dor da família, faz ele ficar um pouco louco“.

Grayson cai trabalhar para a agência de espionagem internacional Spyral, uma organização criada pelo escritor Grant Morrison por sua na série Corporação Batman. King o vê como representante da comunidade de inteligência de hoje: Eles são as pessoas que impedem os bandidos de fazerem coisas ruins, mas para isso, eles empregam táticas questionáveis.

Ele tem que salvar o mundo, mas ele está lidando com uma organização que pode ir além de sua zona de conforto“, disse King.

Ele que começou a trabalhar para a CIA após o 11 de setembro, tem a intenção de trazer para Grayson a sensação emocional que ele gostaria de trazer ao personagem de estando disfarçado, ter balas e tiros em você e lidar com a pressão inerente de ser um agente de inteligência.

É um sacrifício para servir a uma causa maior e salvar as pessoas“, diz ele, mas “a parte mais difícil do que é que é difícil ir para casa e mentir para sua família e fingir ser uma pessoa diferente.

Para o elenco de apoio, Seeley planeja reintroduzir alguns personagens da DC familiares, mas também para criar um novo mito para Grayson, incluindo o seu arqui-inimigo.

Ele sempre foi um personagem que não teve um vilão associado a ele“, diz King. “Queremos dar-lhe o seu Lex Luthor, seu Coringa.

Grayson é um dos poucos super-heróis que é considerado um símbolo sexual por mulheres“, disse Seeley. “Nós estamos o inclinando para isso.

Além disso ele vai passar por uma reformulação completa no visual, pelo artista Mikel Janin: Sai a máscara, e sua nova roupa reflete o esquema de cores azul-e-preto de seu velho uniforme e apresenta um “G” no peito , que lembra o antigo “R” de seus dias de Robin.

Em termos de tom da série, Seeley descreve Grayson como um quadrinho de ação por todo o mundo, e King quer que cada edição pareça com um episódio de TV de “Mad Men ou “Breaking Bad na medida em que faz com que uma conversa.

É o ‘The Americans’ da DC“, diz King. “Isso é algo que, no final, você tem que ir e falar sobre.

Particularmente acho uma ótima ideia. A arma na imagem de divulgação pode ser só para chamar atenção ou uma abordagem mais crua e séria. Apesar de gostar da série atual do Asa Noturna, eu acho que foi sim um retrocesso comparado a fase dele como Batman que particularmente é minha favorita. Agora ele indo para um outro lado aonde ele é totalmente livre me parece ser o melhor caminho.

(via Usa Today)

Um dos personagens mais antigos da DC Comics – foi criado em 1940 – Dick Grayson foi sidekick do Batman por anos e anos, vestindo o manto do primeiro Robin. Após mais de 40 anos, na histórica saga O Contrato Judas dos Novos Titãs, o personagem tornou-se Asa Noturna e sustentou este título por décadas e décadas, tendo inclusive ganhado uma série mensal de público fidelíssimo comandada por Chuck Dixon, Devin K. Grayson, Marv Wolfman (seu criador) e Peter Tomasi. Dick recentemente foi Batman, e mesmo aclamado pelos fãs como um substituto à altura do original voltou ao seu manto de Asa Noturna.
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com