Eddie Berganza reassume edição dos Super Títulos

Após a oficialização da saída de Karen Berger da DC Comics uma série de mudanças editoriais começou a tomar forma na tarde de ontem. Dentre reuniões, acertos e conversas envolvendo a cúpula da DC Entertainment, uma nova dança das cadeiras – desta vez editorial – começou a ganhar vida dentro da empresa, culminando num novo cargo para Eddie Berganza.

Berganza, que tem no currículo alguns dos principais títulos e eventos da DC Comics dos últimos 15 anos, substitui Matt Idelson, Chris Conroy e Will Moss, assumindo portanto toda a linha do Superman – Action Comics, Superboy, Supergirl e Superman.

Com o Homem de Aço Berganza também tem longo histórico, editando Action Comics por mais de 6 anos nos anos 2000, além de ter editado a revista homônima do herói e uma boa leva de minisséries e especiais, incluindo aí Superman: Pelo Amanhã, Lex Luthor 2000, Legado das Estrelas e muitas outas.

Parece que pelo menos o Superman estará em boas mãos.

Superman foi o primeiro super-herói dos quadrinhos e hoje é considerado um símbolo da cultura americana. O herói foi criado em 1938 pelos judeus Joe Shuster e Jerry Siegel, mas tem uma origem messiânica e cristã: Kal-El, o último filho do moribundo planeta Krypton, foi enviado à Terra por seu pai Jor-El para ser o único sobrevivente de seu povo. Na Terra ele foi criado por um maravilhoso casal de fazendeiros, Jonathan e Martha Kent, recebendo o nome de Clark Kent. Hoje um repórter renomado no Planeta Diário, ele também age como Superman graças aos incríveis poderes que possui sob a radiação do sol amarelo. Inspirador, o Superman é o maior símbolo heroico da DC Comics, dentro e fora do universo fictício.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com