Criadores se expressam sobre Raio Negro e Demônio Azul

Depois que alguns artistas saíram da DC acusando a editora de ter políticas terríveis no gerenciamento de talentos e linhas editoriais, outros que já tiveram problemas com ela no passado também se pronunciaram. Ninguém menos que Tony Isabella e Dan Mishkin, respectivamente criadores do Raio Negro e do Demônio Azul, resolveram comentar o recente anúncio da volta dos dois heróis no New 52.

Sim, eu soube que a DC está fazendo novas histórias com o Raio Negro. Não precisam me mandar emails, mensagens, dar telefonemas ou postarem links na minha página do Facebook. Meu único comentário público foi “Estou sem palavras”. E ao meu amigo Dan [Mishkin], “Desencana, Dan. É coisa deles”. Mas, sério, se você sabe qualquer coisa sobre minha história com o Raio Negro e a constante recusa da DC de honrar o que foi acordado comigo – e se você tem algum cérebro – já sabe como sinto em relação a isso.

Isabella, obviamente, referiu-se ao anúncio de que Marc Andreyko e Robson Rocha escreverão sua criação (e a da Mishkin) num vindouro arco da revista DC Universe Presents. Como era de se esperar, Mishkin também se pronunciou sobre o ocorrido.

Aparentemente, a DC Comics ainda não desistiu dos personagens de Cohn & Mishkin: nosso Demônio Azul aparecerá por tempo determinado, junto do Raio Negro de Tony Isabella, começando em outubro – mas nada disso é escrito por algum de nós, pois é assim que as coisas funcionam.

Pra quem não sabe, Isabella sempre disse que a criação do Raio Negro para a DC tinha o intuito de ser uma publicação de parceria, ou seja, ele receberia um boa fatia de direitos autorais, com valores ainda mais altos quanto o herói fosse usado em outras mídias. Sendo assim, a editora fingiu que não era com ela e proibiu o uso do Raio em outras mídias, criando até o Vulcão Negro para os Super-Amigos apenas para não pagar nada a Isabella.

Interessantemente, no anúncio desta nova história, a DC erroneamente escreveu o nome do personagem como Black Lightening, sendo que o correto é Black Lightning. Teóricos da conspiração acharam que isto seria uma forma da editora desviar dos direitos do personagem, mas em poucas horas o nome foi corrigido.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com