Supergirl de Peter David seria uma revista de equipe, não só dela

Lenda Urbana: Supergirl de Peter David seria uma revista de equipe, não só dela
Situação: Verdadeiro

Como sempre a internet abre espaço pra uma certa quantidade de debates que não eram muito populares antes dela, e um deles é sobre a transformação ou não de Supergirl numa revista de equipe na época em que Peter David reformou a personagem nos anos 1990. E, bem, é verdade!

Quem falou isso foi o próprio Peter David, em seu blog oficial, caso a revista não tivesse sido cancelada no número 80:

Quando embarquei neste arco, foi-me dito pelos poderes que mandavam lá dentro que eu podia usar Kara por seis edições. Era isso, seis edições e nada mais. Eu esperava mudar a cabeça deles, pois estava positivo sobre a adição dela e como os leitores aceitariam isso.

O que eu esperava era que o suporte e interesse a esta série seria tão grande e inegável, tão impossível de se ignorar, que eu poderia convencer os “manda-chuvas” a mudarem suas cabeças e me deixarem manter a personagem por ali. Se isso realmente acontecesse minhas intenção era transformar a revista, efetivamente, num título de equipe. O “S” equivalente a Aves de Rapina. Linda seria a Superwoman (na falta de um nome melhor), Kara seria oficialmente a Supergirl e eu traria a Poderosa tambem. O tom da revista seria diversão total – três super loiras em aventuras. Em minha total demência teria passado a chamar a revista de “Justiça Loira”.

Esse era meu plano “A”. Infelizmente a falta de suporte acabou com tudo. Se a edição 75 tivesse o suporte que a edição 80 (a última) teve, teria dado certo. Mas não deu.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com